Jesus o servo

O pregador Cleiton, Deputado Estadual eleito e membro do Ministério de Fé e Política há 26 anos, começou contando um pouco de sua história, onde tudo começou o seu ingresso na RCC.

Cleiton iniciou com um pergunta “como você se define?”, e comparou à alto imagem de Jesus, que é apaixonante, de como Ele se apresenta para as pessoas, Ele sendo todo poderoso, “Eu estou no meio de vós para servir” (ref. Lc. 22,27) e reforçou dizendo que nós seguimos um Senhor que se faz de servo, isso aumenta ainda mais a nossa responsabilidade como servos do grupo de oração.

Temos um nome da autoimagem que Jesus carrega, o que fazemos para sermos iguais a Ele? Perguntou Cleiton aos presentes. Precisamos ser servos 24 horas por dia, não apenas no nosso grupo de oração, mas nas nossas atitudes e ações com as outras pessoas, ressaltou ele.

Passos para serem servos verdadeiros:

  • Marcos 1,29 -31 (itinerário de serviço)

Jesus rompe barreiras na Sinagoga vai ao encontro das pessoas que estão caídas, excluídas. Ele vai ao encontro delas e escuta, toca, dá carinho. Cleiton ressaltou, escutamos pouco as pessoas no grupo de oração, elas precisam ser escutadas, amadas, tocadas, o que estamos fazendo?

  • Lucas 6,6-8 (sermos servos)

Sinagoga o seu significado: lugar onde se reúnem os israelitas para o exercício do seu culto, e nesse lugar o que se fazia? Perguntou Cleiton, lá reuniam pessoas para louvar e escutar a Deus, partilhar a palavra e afirmação da nova aliança, reforçou dizendo, é o grupo de oração.

No grupo de oração aparecem pessoas tristes, sem rumo, elas são o nosso alvo, trazê-las para Deus. consequência de sermos servos de Deus: a sombra do Altíssimo cobrirá em seu ministério(coragem), nós somos sal, mas não podemos colocar sal no sal. Jesus cura e quer servos ousados (pregar nos lugares onde ninguém quer ir: presídio, prostíbulo).

E encerrou sua pregação motivando a todos a ir para esses lugares levar a palavra de Deus, o Papa menciona na Exortação Apostólica Evangelii Gaudium e convida a cada um de nós a refletir sobre a missão que Jesus nos confiou: “Eu sou uma missão nesta terra, e para isso estou neste mundo” Papa Francisco.

Compartilhe



Powered by themekiller.com


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0