Amar Jesus como ele nunca foi amado

O pregador Moisés Rocha (fundador da comunidade Filhos de João Batista) começou sua pregação sugerindo as pessoas para prepararem o seu coração para o que iriam ouvir.

Iniciou com as passagens de Marcos 12 (parábola dos vinhateiros homicidas) e Romanos 14,8 “quer vivamos quer morramos…” ressaltando que Jesus nasceu, cresceu e morreu tudo para glória de Deus.

Após meditou sobre a passagem de Marcos 14, 3 aludindo ao vaso quebrado em Jesus.

Porque ela quebrou esse vaso? O pregador perguntou a Deus e Ele o respondeu dizendo que o vaso que leva o perfume mais caro serve para adorar a Deus e ao ser quebrado o vaso ficou com o cheiro do perfume e fez a analogia de entregar a Deus o nosso melhor. Somos vasos frágeis. Entregar tudo, Deus é dono de tudo: projetos, casa, sonhos. A RCC é exclusiva dele.

Amar Jesus com Ele nunca foi amado, não existe ex-coordenador e solicitou aos presentes quebrar o vaso, pedindo a todos para entregarem-se. A RCC está vivenciando o jubileu de ouro (50 anos), hoje Deus nos pede para retomar ao Grupo de Oração, ao posto que lhe foi dado e reafirmou quebre o vaso, vença o fracasso hoje se alguém o feriu. Os que se afastaram da RCC, retorne a paixão inicial (rezar o terço de madrugada, retiro, adoração, preparação espiritual).

O inimigo tem colocado em nossos corações o cansaço, o desânimo, isso é uma armadilha dele, para que se perca a graça que está no grupo de oração.
O objetivo da pregação foi que todos saiam determinados a amar Jesus como Ele nunca foi amado antes, com o coração adorador. Fomos criados para adorá-lo sempre. O Grupo de Oração é o posto de gasolina e abastece os servos a adorar o nosso Deus amado.

Compartilhe



Powered by themekiller.com


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0